Origem do Chá Azul

Originários da China, pertencem a este grupo os chás conhecidos como Oolong. São feitos a partir de folhas jovens, um pouco mais maduras do que as utilizadas para fabricar chás verdes ou brancos e que, depois de colhidas, passam por uma ligeira secagem ao sol, arrefecem e fermentam durante pouco tempo. A oxidação é interrompida pelo aquecimento em bacias de ferro. Acabado o processo de semi-fermentação, as folhas são enroladas e secas.

É um grupo de chás muito variado, onde o resultado final depende do controlo do meticuloso processo de fermentação, que pode fazer variar as características da infusão. O aroma e sabor são sempre intensos, mas podem ser tao diferentes que é impossível comparar razoavelmente as variedades.

Hoje em dia, o verdadeiro oolong, fabricado com métodos tradicionais, só se produz em quatro regiões: Anxi e Wuyi, na província chinesa de Fujian; Phoenix, na província de Guangdong; e Taiwan (os famosos chás da Formosa). Existem ainda pequenas plantações na Tailândia e no Vietman.

Quem pode beber?

Não existem contraindicações ao consumo deste chá.

À semelhança das demais variedades, quem seja especialmente sensível aos efeitos da cafeína deve ter em conta a presença de esta molécula. No entanto, é de salientar que uma taça de oolong tem menos de metade da cafeína presente na mesma quantidade de chá preto, e muito menos que uma taça de chá branco. É seguro inclusivamente para as crianças e pode ser consumido sem risco de produzir excitação ou insónias.

Qual a dose ideal?

Não há limitações ao consumo deste chá. No entanto, no caso de integrar a bebida numa dieta de emagrecimento, não se devem exceder as 5 taças diárias, para garantir que o corpo absorve uma quantidade mínima de lípidos.

Como prepará-lo?

É importante que a temperatura da água não exceda os 90ºC, já que o sabor deste chá depende principalmente deste factor. Para não correr o risco, deve considerar-se uma temperatura entre 85ºC e 90ºC como a ideal.

Não deixar macerar mais de 5 minutos.

Há um horário adequado para consumi-lo?

Este chá pode beber-se a qualquer hora do dia. No entanto, as suas propriedades digestivas fazem com que seja muito útil como aperitivo ou como bebida principal durante as refeições.

Para lutar contra o excesso de peso, beba chá azul meia hora antes de realizar exercício físico. Queimará mais calorias com a ajuda dos fitonutrientes do chá.

Benefícios do chá azul para a Saúde

O chá azul tem quantidades reduzidas de cafeína, e também de catequinas, degradas durante o processo de semi-fermentação. No entanto, contém vários químicos que não se encontram em nenhuma outra variedade. Moléculas exclusivas e pouco investigadas, que prometem propriedades únicas, em sintonia com a sabedoria popular chinesa, que considera que este tipo de chá é um medicamento.

  • Alguns estudos sugerem que o oolong pode ser mais eficaz que o chá verde para perder peso, ao potenciar o metabolismo dos lípidos e a oxidação das reservas de gordura. Apesar de não existirem dados definitivos sobre este tema, uma investigação realizada no Japão afirma que o chá azul aumenta a taxa metabólica duas vezes mais rápido que o chá verde.
  • Para apurar se esta capacidade de interferir no metabolismo dos lípidos estava relacionada com a cafeína, uma investigação recente comparou este chá com uma água enriquecida com a mesma concentração de cafeína. De acordo com os resultados, nos sujeitos que bebiam oolong, a oxidação de gordura corporal aumentava 12%. Os seus corpos gastavam mais e queimavam mais calorias durante o dia. O mesmo não acontecia com o consumo de água cafeinada. Ou seja, outra molécula tem que ser responsável por esta capacidade.
  • Investigações sobre o cancro também concluíram que o oolong tem poderes anti-mutagénicos e antioxidantes excecionais. Alguns especialistas afirmam que, apesar de só possuir quantidades residuais de catequinas, estas moléculas, em conjunto com os ácidos gálicos e as saponinas, exclusivas deste tipo de chá, veem aumentadas as suas capacidades curativas.
  • O oolong é considerado um bom tónico para ajudar a ultrapassar gripes e constipações.
  • É também um chá com propriedades digestivas, que ajuda a reduzir os problemas de acidez e a digerir com facilidade comidas pesadas.

Principais dicas sobre o Chá Azul

  • Quanto maior o grau de oxidação das folhas de chá azul, melhores as suas propriedades digestivas.
  • As variedades mais antigas de Oolong provêem do Monte Wudong, na região de Phoenix da província chinesa de Guangdong. Uma zona remota que há 15 anos ainda estava practicamente isolada das cidades mais próximas. Hoje em dia, apesar de já se trabalhar com electricidade, os mestres chazeiros desta zona continuam a trabalhar com métodos tradicionais, em plantação cujas árvores de chá têm mais de 700 anos.
  • De um modo semelhante aos vinhos, se for conservado em condições adequadas, um chá azul melhora com a idade. Por esse motivo, um armazenamento correcto é essencial se queremos ter um chá de qualidade.

O Chá Azul ajuda nas seguintes doenças:

  • Excesso de peso
  • Cancro
  • Gripes e constipações
  • Problemas digestivos
  • Acidez
  • Retenção de líquidos
  • Celulite